De 0 a 3 entrevistas de emprego com o PyJobs na Python Brasil 2019

No mês de outubro rolou a Python Brasil 2019, o maior evento de Python da América Latina e para podermos ajudar a desenvolver os desenvolvedores, fizemos um convite a Jessica (que quer entrar para a área de data science) para vir conosco neste evento!

Aqui está o relato dela! xD

Relato:

Em outubro de 2019, eu tive a oportunidade de ir para a minha 1ª Python Brasil, a convite da equipe do PyJobs e queria contar a minha experiência de estar neste evento para alguém que está começando na carreira de programador.

Meu nome é Jéssica, me formei em 2016 em Marketing pela Universidade de São Paulo e desde então, nunca consegui de fato me encontrar nessa área.
As oportunidades de trabalho na área, e até mesmo o perfil profissional da área nunca me agradou. Para aprender inglês e voltar melhor formada para o Brasil, resolvi fazer um intercâmbio na Irlanda.

Durante a minha viagem, conheci diversas pessoas ligadas a tecnologia e fiquei com uma vontade muito forte de me envolver em programação e tecnologia.

Sempre tive medo de sair da área de humanas, mas resolvi tentar. Eu tinha uma crença limitante muito forte em mim que eu precisava quebrar.

Resolvi entrar na área de uma vez por todas: passei no vestibular de análise e desenvolvimento de sistemas da FATEC em São Paulo. Lá, eu ouvi relatos de vários professores sobre não existirem pessoas de exatas, mas sim pessoas que desenvolvem um pensamento lógico.

Ao quebrar esse paradigma, muitas coisas começaram a fazer sentido.
Não é algo fácil, porém, como o James (um dos membros da equipe do PyJobs, que conheci durante meu intercâmbio em Dublin) comentou comigo algumas vezes:

“Você pode ensinar programação e código para qualquer um, mas você não ensina a pessoa a ser determinada e comprometida.”

Quando ele soube que eu estava estudando Python, ele ficou super feliz.
Através do PyJobs e graças ao convite da equipe, consegui ir a Python Brasil!

No primeiro momento, eu me perguntei: “Como eu vou em um evento dessa proporção se mal o básico eu sei?”.

O que eu não imaginava, era o quanto a Python Brasil me faria querer entrar mais para área de desenvolvimento.

Além de tudo, a comunidade Python é maravilhosa. Eles me receberam de braços abertos, e juro, eu acho que saí de lá com umas 5 folhas apenas de dicas e recomendações de materiais de estudo.

Quando eu cheguei no evento, conheci excelentes desenvolvedores envolvidos no ecossistema Python, como Luciano Ramalho, Bernardo Fontes e muitos outros que me receberam de braços abertos. No mesmo final de semana, me envolvi com o PyLadies.

No final do evento, consegui diversas propostas de entrevistas de emprego, muitos papos cabeça e a oportunidade de adentrar num mundo novo.

Autor: Vinicius Mesel

Ex-desenvolvedor de sistemas para bancos de investimentos. Trabalhou com mesas de investimentos e áreas de atendimento a grandes riquezas automatizando processos com Python. Também atuou como pesquisador de bioinformática no Instituto Butantan e hoje é CEO da RecrutaDev.

4 comentários em “De 0 a 3 entrevistas de emprego com o PyJobs na Python Brasil 2019”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *